quinta-feira, 12 de março de 2009

Ainda as Editoras...

Esta semana consegui constatar que o crescente desagrado e descrença nas editoras não é apenas problema das meninas aqui da Sombra. Numa só semana já vi mais queixas e reclamações em blogs que em qualquer momento até aqui. Será que estes senhores não conseguem ver o desagrado crescer nos seus clientes/leitores como uma semente caída em terreno mais que fértil? Tanta cegueira já enjoa.
Desta vez foi a Bertrand (mais uma vez foi a Bertrand...). Como muitos de vós devem saber, esta editora tinha uma promoção relativa ao lançamento de Nómada da Stephenie Meyer - na compra do novo volume era oferecido um dos já anteriormente editados, à escolha do cliente e se disponível em stock. Como não tenho o terceiro livro da saga Luz e Escuridão aproveitei a oportunidade, fiz a minha encomenda no site, escolhi o livro, paguei... Então não é que passado um tempo infinito (para uma situação destas) fui ontem informada por e-mail que, e passo a trancrever, "Devido ao enorme sucesso desta campanha, não foi possível enviar o livro de oferta para todas as pré-reservas por motivo de ruptura de stock."?!?! Não me dizem mais nada, não me dizem directamente que a minha é uma das encomendas que não vai receber a oferta (embora tenha depreendido isso). Esta manhã, nova surpresa:
"O(s) seguinte (s) produto(s) da sua Encomenda não se encontra(m) disponível(eis) para envio: x € 0,00 = € 0,00".
E agora? Alguém percebeu qual era o artigo que não estava disponível para envio? Os e-mails destes senhores são mesmo muito esclarecedores!!!
O que mais me custa no meio disto tudo é que comprei o raio do livro pela net para oferecer à minha irmã porque tinha a oferta do outro para mim e com os portes de envio que estes senhores cobram, apesar de ficar caro, compensava. Se já não tinham em stock para a minha encomenda porque raio me deixaram escolher o exemplar que queria receber grátis? Porque não cancelaram essa parte do processo quando o stock ficou esgotado, preferindo ludibriar o cliente? Claro que foi por saberem que se dessem essa informação as pessoas preferiam comprar mais barato numa qualquer livraria.
Enfim, esta foi a gota de água...com estes senhores nunca mais. Não há o mínimo respeito pelo cliente, os "cifrões" justificam tudo e a vergonha, se alguma havia, já se foi há muito. Definitivamente não volto a comprar nada na Bertrand, nem no site nem em nenhuma livraria. Não posso dizer que não vou comprar nenhum livro editado por eles (infelizmente) mas numa livraria deles não volto a gastar dinheiro.
PS:Conclui, através do Notícias da Fantasia, que feliz ou infelizmente, não fui a única...

8 comentários:

Canochinha disse...

Acabei mesmo agora de deixar um comentário no "Notícias da Fantasia" relativamente a isto. Sinceramente, já não há pachorra para a Bertrand!
No site da FNAC também fazem estas promoções, mas apesar de dizerem que a oferta está limitada ao stock existente, já reparei que há ofertas que desaparecem mais depressa do site, o que me leva a crer que assim que acaba o stock de ofertas, retiram o anúncio do site - o que tem toda a lógica, para que os clientes não se sintam enganados. A FNAC ainda é a loja portuguesa online onde vou comprando... A wook também já ouvi dizer que demora a entregar e a Bertrand só oiço dizer mal!

Patrícia disse...

olá olá

Eu nunca comprei um livro pela internet. Gosto muito mais de ir a uma livraria ou a uma feira e mexer e remexer nos livros até que o certo me venha parar às mãos.
Mas tenho reparado (é impossível não o fazer) que a bertrand é impossível. Os preços são proibitivos. Comparado com a Fnac, ou com os supermercados, perde em toda a linha.
boas leituras
pat

Alice disse...

Pois é, acho que qualquer pessoa que goste de ler prefere ir a uma livraria, gastar um bom bocado do seu tempo a passear no meio das estantes, tocar as capas, ler as sinopses, ver a cor do papel, sentir-lhe o cheiro... Enfim, adoro. Mas ultimamente o trabalho não permite muitos destes momentos de escape, além de que as promoções muitas vezes só se aplicam em compras online. Foram estas algumas das razões que me levaram a fazer esta encomenda (deve ter sido para ai a terceira ou quarta vez que comprei livros na net) mas a Bertrand não volta a ter uma encomenda minha, por muito cómodo que seja. A única que trabalhouo realmente bem, mesmo no pós-compra, foi a Saida de Emergência - há que gabar o bom serviço prestado - e até agora, é a única que recomendo para este tipo de compras.

Canochinha disse...

Alice, uma pequena nota em relação à SdE: não compro livros deles sem ser na sua loja online. Para além de o custo ser igual ao melhor que encontramos nas lojas físicas, estou a ajudar a editora, que me tratou sempre tão bem, porque comprando-lhes directamente a % que a editora ganha com a venda é maior e para mim o custo é igual ;)

Alice disse...

Canochinha, estamos em completa sintonia. Quando vou a uma livraria e vejo algum livro deles que quero, não compro. Aguento, aguento, até poder ir ao site e fazer alia minha compra. Os preços são competitivos, têm a promoção 2=3 a que muitas vezes recorro, são rápidos na entrega e tratam o cliente como deve ser. Estes senhores já pereceberam...(e ainda bem porque eu gosto mesmo de poder usufruir de um serviço assim - até dá gosto gastar ali o nosso dinheirito!!!)

Anónimo disse...

Mas alguém tem dúvidas do mau funcionamento da Bertrand desde que passou para as mãos dos alemães? Uma encomenda feita de um livro distribuido por eles só me foi entregue após bastante e-mails e ameaça de escrever para as cartas do leitor do JN.
Cumprimentos.
O. Pinto

ParadoXos disse...

e eu que ultimamente so compro na Feira da Ladra!
gosto dos livros "velhos"!

pela net, nunca, ainda.

ClaudiaV disse...

Por acaso ainda nao fiz nenhuma compra no site da editora Saída de Emergência mas parece ser de longe a editora mais organizada do mercado em todos os aspectos. É aquela que com antecedência nos diz todos os livros que vão saíndo e que nos põe sempre a par das novidades.